sábado, 28 de junho de 2014

O discurso de ódio na campanha de Ana Amélia





O Partido Progressista (PP) do Rio Grande do Sul lançou oficialmente nesta sexta-feira (27) a candidatura da senadora Ana Amélia Lemos para o governo do Rio Grande do Sul. Embora tenha escolhido a palavra “esperança” como símbolo de sua campanha e tenha entoado cânticos e orações em nome de Deus e da Família, a candidatura da senadora foi lançada ao som de muitos discursos de ódio que apresentaram seus oponentes como a personificação do mal. O jornalista Samir Oliveira, do jornal eletrônico Sul21, relatou o clima do encontro do PP e alguns desses discursos carregados de ódio.
“Não tem como as pessoas do mal ficarem a vida inteira no governo do estado. Chegou a hora das pessoas do bem”, disse o vereador Cláudio Janta, presidente do partido Solidariedade no Rio Grande do Sul.
O deputado estadual pelo PP, Frederico Antunes, conclamou os militantes a “combater a política nefasta, mentirosa e enganadora praticada por quem está governando o Rio Grande do Sul”.
Enquanto que seus apoiadores fizeram esse tipo de pronunciamento, Ana Amélia prometeu “trazer a paz de volta ao Estado” e que sua candidatura irá “mostrar uma nova cara ao Rio Grande”.
A julgar pelo discurso maniqueísta raivoso os apoiadores de Ana Amélia pretendem fazer uma espécie de guerra fundamentalista contra quem não pensa como eles. Essa postura tem alguns antecedentes preocupantes. O deputado federal Luís Carlos Heinze, do PP gaúcho, virou notícia nacional quando foi divulgado um vídeo de uma audiência pública realizada no interior do Rio Grande do Sul em 2013, quando ele disse que  índios, quilombolas, gays e lésbicas eram “tudo que não presta”. Mais recentemente, na convenção nacional de seu partido, Heinze disse ter saudades dos tempos da ditadura quando a Arena era governo. Será essa a nova cara que a senadora pretende mostrar ao Rio Grande?
FotoCíntia Marques Rodrigues/Divulgação
Fonte:RSNABOA

Um comentário:

Maribel Dias kroth disse...

Os urubus estão querendo assaltar e devorar todos os investimentos que Tarso Genro fez no Rio Grande do Sul, essa Ana Amelia já esta mostrando a que veio, e por trás dela deve estar a corrupta tucana Ieda Crusius e credos!