sábado, 7 de junho de 2014

Segundo o Datafolha, 6% dos eleitores tiveram amnésia e Dilma ficou menos conhecida.



Segundo o Datafolha, 6% dos eleitores que conheciam bem Dilma em agosto de 2013, agora só ouviram falar dela.

Antes de mais nada, descontando algumas esquisitices nos números, a pesquisa publicada ontem tem o lado ruim, que é uma tendência de os boatos sobre economia, que os jornalões fingem ser notícia, estaria afetando o ânimo do cidadão.

Também é claro que Dilma aparecer com 3 pontos a menos do que na última pesquisa dá uma muniçãozinha para a oposição tripudiar. Mas... Aécio e Campos juntos caíram mais ainda, somando 5 pontos de queda.



O lado bom é que, com a queda mais acentuada de Eduardo Campos (4 pontos) a eleição vai ficando polarizada entre Dilma e Aécio. Entre PT e PSDB. Isto reduz mais ainda os riscos para a reeleição de Dilma e torna o desfecho da eleição mais previsível a favor dela.

A função política da pesquisa.

A pesquisa incluiu o senador Magno Malta (PR) como pré-candidato. É verdade que a pedido dele, para avaliar sua viabilidade. O PR ainda não decidiu oficialmente se apoiará ou não Dilma. Há um enorme esforço da oposição em "melar" este apoio. A pesquisa tem essa função. A pesquisa teria que vir mais surpreendente do que os 2% para animar um partido pragmático como o PR a embarcar em uma aventura que os isolaria e dificultaria a reeleição de seus deputados, senadores e candidatos a governador.

Agora vamos às "videocassetadas" encontradas nos números do Datafolha, o que recomenda não levar muito a sério os números.

Segundo o Datafolha, 6% que conheciam bem ou muito bem Dilma, agora só a conhecem de "ouvir falar" . Dá para acreditar?

Em agosto de 2013, só 8% a conheciam "só de ouvir falar". E 92% a conheciam bem ou muito bem.
Agora só 86% a conhecem bem ou muito bem, e 13% só ouviram falar dela.

Nunca antes na história deste país um presidente da República ficou menos conhecido no cargo com o correr do tempo. É uma "inovação" do Datafolha.

São estas inconsistências que tiram valor científico de uma pesquisa.

Nas próximas postagens volto a analisar detalhes da pesquisa, que tem uma curiosidade bem interessante e favorável a Dilma.

Os Amigos do Presidente Lula.

Um comentário:

marcosreis aurelio disse...

olha ja que eles estao usando a pesquisa para valorizar as açoes da PETROBRAS numa manobra criminosa e cretina. ENTAO PROPONHO O SEGUINTE SENHORES DO DATA FOLHA. DERRUBEM DILMA 80% E AS AÇOES DA PETROBRAS VAI VALORIZAR MAID DE 160% OTIMO PARA A PETROBRAS OTIMO PARA O BRASIL E NO FINAL DAS CONTAS DILMA GANHA COM 57% CABOU A HISTORIA